Regar os campos do Alentejo com a água do Alqueva vai ficar entre 20 e 33% mais barato. Uma boa notícia, que os agricultores esperavam há já algum tempo.

O Ministro da Agricultura diz que finalmente foi possível reunir condições para baixar o preço, sem colocar em causa a sustentabilidade da EDIA.

Aproveitamento Hidroagrícola do Roxo

Com o presente aviso informamos os senhores Beneficiários das principais formalidades da Campanha de Rega de 2017. Assim, no interesse mútuo, leis atentamente o seu conteúdo. No sentido de calcularmos as necessidades de água para a Campanha de Rega de 2017, estamos a dar início ao período de inscrições.

A modernização do perímetro de rega do Roxo, visando uma maior eficiência na utilização da água, tem sido a prioridade da Associação de Beneficiários do Roxo (ABRoxo). Uma ambição que levou a instituição a apresentar ao novo Programa de Desenvolvimento Rural (PDR) 2020 diversas candidaturas para obras avaliadas em cerca de 30 milhões de euros.

De acordo com o presidente da ABRoxo, cerca de três milhões de euros destinam-se à conclusão dos trabalhos de modernização do canal condutor geral do perímetro. Os restantes 27 milhões serão aplicados nos blocos de Vale de Zebro e Monte Novo, que passarão de blocos gravíticos para blocos de pressão. "Isso permitirá que haja um aumento de área regada em cerca de 2.000 hectares e, ao mesmo tempo, que seja tudo automatizado em termos de rega", justifica António Parreira ao "CA".

Estes investimentos surgem depois de a ABRoxo ter aproveitado o anterior PDR para investir cerca de 3,5 milhões de euros na modernização e na melhoria de eficiência do perímetro.  "O investimento foi feito em parte do canal condutor geral e nos órgãos de segurança e de monitorização da barragem. Isso permitiu à ABRoxo poupar água. A água que se perde é muito menor e hoje temos perdas muito pequenas no transporte e utilização de água", garante António Parreira.

Nos termos do artigo 10 n.º 3 do Decreto Regulamentar n.º 84 / 82, de 4 de Novembro, realiza-se no próximo dia 28 de Março de 2017, pelas 17:30 h. no edifício sede da Associação de Beneficiários do Roxo em Montes Velhos, a Assembleia Ordinária com a seguinte ordem de trabalhos:

1) Aprovação da Ata da Assembleia Geral N.º 75 de 16 de Janeiro de 2017
2) Aprovação do Relatório de Contas 2016
3) Eleição dos Corpos Sociais para o triénio 2017 / 2019

  VER CONVOCATÓRIA

 Se à hora marcada não estiver presente a maioria dos associados, a Assembleia realizar-se-á 30 minutos mais tarde.

O Presidente da Assembleia Geral
Doutor Ricardo M. Gomes Mira Silva

A Barragem do Roxo recebeu o primeiro transvase de água da Albufeira de Alqueva, num momento histórico, realizado nesta quinta-feira, dia 9, e que contou com as presenças de Phil Hogan, Comissário Europeu da Agricultura e Desenvolvimento Rural e de Capoulas Santos, ministro da Agricultura.

Capoulas Santos mostrou-se emocionado com este momento, recordando que Alqueva foi um projeto pelo qual se bateu e que tem acompanhado.

António Parreira, presidente da Associação de Beneficiários do Roxo, salientou o facto de, em ano de seca, ter sido possível, não se ter sentido a falta de água, situação que permite aos agricultores continuar a apostar no regadio. Acrescentou ser determinante o recurso água para a agricultura e que por isso mesmo, é fundamental também, a conclusão do projeto Alqueva. O presidente da Associação de Beneficiários do Roxo alertou ainda, para os investimentos que o regadio representa para agricultores e associações.

Nelson Brito, presidente da Câmara Municipal de Aljustrel, destacou a nova oportunidade que Alqueva representa para este concelho, a nível do abastecimento público e para o sector agrícola e falou em “marco histórico”.

Noticia "Rádio Voz da Planície"