A Barragem do Roxo recebe desde dia 9 de Junho, o primeiro transvase de água a partir da albufeira do Alqueva, num momento testemunhado pelo comissário europeu da Agricultura e Desenvolvimento Rural, Phil Hogan, e pelo ministro da Agricultura, Capoulas Santos.

De acordo com a EDIA, serão aduzidos 15 milhões de metros cúbicos de água para o Roxo, destinados ao perímetros de rega do Roxo e ao abastecimento público aos concelhos de Beja e de Aljustrel.
Trata-se de "um marco histórico" para o concelho de Aljustrel, assinala o autarca Nelson Brito, sublinhando que assim se garante, "num momento em que a seca é uma realidade, os níveis de abastecimento de água às populações dos concelhos de Aljustrel e Beja, bem como os índices de abastecimento de água para fins agrícolas".

A chegada da água do Alqueva ao Roxo está agendada para as 15h30, hora em que Phil Hogan e Capoulas Santos vão estar na sala de trabalho da mini-hídrica do Roxo para apertar o botão que permitirá a operação.

Depois, o comissário europeu e o ministro irão até ao paredão da barragem, participar numa cerimónia protocolar que inclui uma visita à sala do posto de comando da barragem e a inauguração de um monumento, situado junto à entrada no paredão, que assinala e perpetua o desenvolvimento do projecto do Roxo.
Por fim, os dois responsáveis irão conhecer a nova Plataforma Logística de Concentração e Expedição de Hortícolas do Empreendimento de Fins Múltiplos do Alqueva, projecto da Agromais construído em Ervidel.